quarta-feira, 14 de maio de 2014

Nem sempre

Nem sempre eu quero salvar o dia,
Cantar na noite, ou dormir à tarde.
Às vezes, só quero olhar pra frente
E não ser responsável por nada,
Nem pelo sol, nem pela lua.
Às vezes, me dou o direito ao egoísmo
E ao esquecimento.
Às vezes, só quero que o mundo continue...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas