domingo, 8 de setembro de 2013

Sobre amor e sintaxe

As pessoas insistiam em não saber usar a vírgula. Se iludiam com a ideia falsa de que a uma vírgula correspondia uma pausa para respirar. Mal sabiam da sintaxe.

As pessoas insistiam em não saber usar o coração. Se iludiam com a ideia falsa de que a um amor correspondia uma pausa para respirar. Mal sabiam da aceitação.

Eram coisas simples, embora se assumisse que eram difíceis de aprender. Estudar um pouco mais resolveria o problema da vírgula. Amar um pouco mais, o do coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas